Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

365 forte

Sem antídoto conhecido.

Sem antídoto conhecido.

08
Fev16

Não acredite em tudo o que lhe dizem: receita fiscal diminui no Orçamento 2016

Nuno Oliveira

Alguns títulos da comunicação social e os discursos do PSD e do CDS parecem sugerir que haverá aumento da receita fiscal em 2016. Hugo Soares chega a ter o desplante de afirmar que "há de facto um gigantesco aumento de impostos." Como o gráfico abaixo mostra, não só há uma ligeira diminuição da receita fiscal como é, além do mais, inferior à que o governo PSD-CDS antecipou para 2016 no Programa de Estabilidade 2015-2019 que entregou em Bruxelas.

2016.02.08 gigantesco aumento de impostos 02.png

Como se sabe, a fiscalidade só não é menor pela exigência da Comissão de um esforço adicional na redução dos défices nominal e estrutural. Tivemos um gigantesco aumento de impostos em 2013, sem dúvida. Em 2016, temos um ligeiro alívio. Mas temos sobretudo uma recomposição da carga fiscal que mostra que é possível aliviar as famílias de menores rendimentos. O que só ilustra que havia e há alternativa, que é possível fazer diferente.

 

E além de existência de alternativa na forma como se compõe a receita fiscal, há também uma escolha diferente na forma de resdistribuir a receita arrecadada.

Porque este é um orçamento que não só anula a sobretaxa do IRS para os menores rendimentos como ainda:

  • repõe os mínimos sociais (CSI, RSI e abono de família)
  • descongela pensões e repõe os complementos de reforma injustamente retirados,
  • acaba com os cortes salariais na função pública, e
  • desce o IVA da restauração potenciando a criação de emprego.

Este é um governo que devolve rendimentos à maioria dos portugueses. Fá-lo de forma responsável e com sentido de justiça social. Tudo o que o PSD desconheceu nos últimos 4 anos e parece continuar a desconhecer.

 

2 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Soares dos Reis Bento 09.02.2016

    Primeiro era o governo que era ilegítimo e golpista, já não é? Depois que o orçamento não ia passar na Europa. Agora que o orçamento é um ataque à classe média. Ora, isto vindo dos pafistas que atacaram todos os portugueses menos os muito ricos é piada de mau gosto. Mas, pronto, continua a fazer piadas, Carlitos, tu e o teu chefinho, o Passos aldrabão, podem não ter piada, mas ai de mim impedir a vossa vocação de palhacinhos ricos.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    «As circunstâncias são o dilema sempre novo, ante o qual temos de nos decidir. Mas quem decide é o nosso carácter.»
    - Ortega y Gasset

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    No twitter

    Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2020
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2019
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2018
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2017
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2016
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2015
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2014
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2013
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2012
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D