Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



27
Mai

Era Mudança, Se Faz Favor

por David Crisóstomo

Porque o Partido Socialista não se resume a isto, a uma amálgama de posições suaves e imprecisas, a um discurso que apela a uma suposta moralidade superior, a um vazio de ideologia, a uma desistência de lutar contra a rescrição da história, a um futuro pardacento e desesperante.

 

Porque passaram 3 anos, três anos com aquele que foi o provavelmente o pior governo da história da democracia portuguesa, o executivo que mais atacou, mais menosprezou, mais insultou o legado de desenvolvimento económico e social trazido por Abril. Três anos de desprezo pela Constituição da República Portuguesa. E, passados estes três anos, as sondagens revelam que corremos o risco de ver a direita renovar a sua maioria, por falta ausência de projecto alternativo.

 

Porque há pressa, muita. Porque o sistema político nacional está a ficar sem tempo. Porque, na inexistência de alternativa, estaremos a conceder a vitória aos movimentos populistas que ameaçam o regime que com tanto esforço construímos. Porque há urgência de uma visão, urgência de uma frente progressista que proteja o Estado de Direito Democrático que tanto prezamos.

 

Porque a Mudança, essa mudança, é mesmo necessária no Partido Socialista.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

De Joe Strummer a 27.05.2014 às 17:35


É este o momento.

Envolvente externa; Troika formalmente out. A europa anuncia aumento investimento para a criação de emprego com o susto da votação na extrema-direita.O TC restá em vias de chumbar as medidas do OE, ao que se seguirá o anuncio de novas medidas e consequente instabilidade na coligação. Se se juntar a isto as sondagens que dão um minimo ao PP, a entrada de Costa precipitaria quase de certeza a fuga de Portas e a convocação de eleições antecipadas.

Internamente aproveita a duvida mais que razoável instalada no aparelho. Que será devidamente ultrapassada pela pressão do apoio a Costa de varios sectores da sociedade.

É este o caminho.

Contras: A necessidade de estabelecer um "ticket" com Rui Rio pós/antes 2015
Perigo: A grandiosidade de Marinho Pinto

Comentar post




Sitemeter



Comentários recentes

  • Zzzzz

    Qualquer comparação, equiparação, ao nazismo, abso...

  • Sérgio Lavos

    Concordo, devemos respeitar quem é diferente de nó...

  • Bruno

    Muito sinceramente, isto é tudo muito lindo, mas h...

  • alvaro silva

    Só vejo dores de cotovelo e premonições de catástr...

  • J P C

    Se é isso o que o meu comentário lhe faz lembrar, ...







«As circunstâncias são o dilema sempre novo, ante o qual temos de nos decidir. Mas quem decide é o nosso carácter.» Ortega y Gasset