Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



06
Mai

Bem pode a direita encher a boca para falar de boa gestão de recursos públicos. A defesa do financiamento dos colégios que são redundantes à rede pública não é mais do que desbaratar o dinheiro dos contribuintes. Só o radicalismo ideológico da direita contra a rede pública pode justificar a oposição a uma medida de boa gestão.

 

Não existe qualquer justificação em financiar colégios privados a poucos metros da rede pública. É, usando a linguagem da direita, "desrespeitar os sacrifícios dos portugueses".

 

Adicionalmente, não existe base para alegar instabilidade quando o Ministério de Educação afirma que todos os alunos vão poder terminar o seu ciclo de estudos na escola onde estão atualmente matriculados. Com "novas" regras, que na prática resultam da correcta aplicação da Lei de Bases, estarão em causa apenas novas turmas em início de ciclo, o que levará que a medida tenha um impacto gradual.

 

Adenda: Roubando parcialmente o raciocício ao Pedro Sales, não deixa de ser chocante verificar que o discurso fácil da direita contra a dependência do Estado só se aplica às prestações sociais e não ao financiamento público dos colégios privados. E, para maximizar o insulto, Nilza de Sena fê-lo hoje em nome da sensibilidade social.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

De Luis Moreira a 06.05.2016 às 12:04

Desbaratar os recursos é quando são aplicados em más escolas. É velho como o mundo mas ainda há gente que acha que o dinheiro é do estado

De Carlos a 07.05.2016 às 12:32

Onde é que este país vai parar se as pessoas de bem tiverem de pôr os filhos na escola pública com a ralé? E o estado deve subsidiar as pessoas de bem que quiserem pôr os filhos nas escolas privadas. Sugiro que a geringonça vá buscar o dinheiro que o PSD/PP cortou no rendimento social de inserção.

Comentar post




Sitemeter



Comentários recentes

  • Zzzzz

    Qualquer comparação, equiparação, ao nazismo, abso...

  • Sérgio Lavos

    Concordo, devemos respeitar quem é diferente de nó...

  • Bruno

    Muito sinceramente, isto é tudo muito lindo, mas h...

  • alvaro silva

    Só vejo dores de cotovelo e premonições de catástr...

  • J P C

    Se é isso o que o meu comentário lhe faz lembrar, ...







«As circunstâncias são o dilema sempre novo, ante o qual temos de nos decidir. Mas quem decide é o nosso carácter.» Ortega y Gasset