Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Pode andar aí uma aragem que apregoa que o CDS está a renovar-se para um partido em que as novas gerações são mais tolerantes. Infelizmente, um Adolfo Mesquita Nunes ou um Francisco Mendes da Silva são andorinhas que não chegam para fazer a primavera.

Ontem, o Ministro Pedro Mota Soares, avançou que o Governo iria propôr um novo modelo para os processos de adopção de crianças. Porquê? "Queremos e teremos pois um processo de adoção em que as famílias que iniciam uma candidatura sabem, perfeitamente, todas as etapas por que irão passar".

Pois é, "as famílias". Alguém pode avisar o Ministro Pedro Mota Soares que candidatos individuais também podem ser adoptantes? Ou será que, para variar, esta visão anacrónica, cientificamente não fundamentada, de que uma família é um pai ou uma mãe, vai também mexer na legislação que regulamenta a adopção?

O que vale é que a palhaçada deste Governo tem os dias contados.

Autoria e outros dados (tags, etc)




Sitemeter



Comentários recentes

  • Zzzzz

    Qualquer comparação, equiparação, ao nazismo, abso...

  • Sérgio Lavos

    Concordo, devemos respeitar quem é diferente de nó...

  • Bruno

    Muito sinceramente, isto é tudo muito lindo, mas h...

  • alvaro silva

    Só vejo dores de cotovelo e premonições de catástr...

  • J P C

    Se é isso o que o meu comentário lhe faz lembrar, ...







«As circunstâncias são o dilema sempre novo, ante o qual temos de nos decidir. Mas quem decide é o nosso carácter.» Ortega y Gasset