Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



“É por isso que espanta o contraste entre as bravatas de Juncker ontem no Parlamento Europeu e a enorme dificuldade, para não dizer o medo e a desorientação, dos políticos europeus em dizer o evidente: a solução é uma Europa comum, com órgãos executivos democraticamente eleitos por todos, não o regresso a uma união apenas económica e, por isso, sem força para enfrentar tantas ameaças, desafios e incertezas.”

Autoria e outros dados (tags, etc)




Sitemeter



Comentários recentes

  • Zzzzz

    Qualquer comparação, equiparação, ao nazismo, abso...

  • Sérgio Lavos

    Concordo, devemos respeitar quem é diferente de nó...

  • Bruno

    Muito sinceramente, isto é tudo muito lindo, mas h...

  • alvaro silva

    Só vejo dores de cotovelo e premonições de catástr...

  • J P C

    Se é isso o que o meu comentário lhe faz lembrar, ...







«As circunstâncias são o dilema sempre novo, ante o qual temos de nos decidir. Mas quem decide é o nosso carácter.» Ortega y Gasset