Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



11
Jul

Assunção sem noção

por David Crisóstomo

Face a isto:

 

 

Houve esta resposta, utilizando uma citação outrora usada numa análise ao caso da prisão de Guantanamo:

 

 

Devem os cidadãos que perturbem os trabalhos do parlamento (ainda por cima insultando os parlamentares) ser convidados a abandonar as galerias? Claro. 
Todavia, parece que há um desejo consensual no laranjal: as galerias Assembleia da República não podem estar abertas para todos os cidadãos da República. Só para alguns.
Estamos sem dúvida a semear lindas tempestades.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


5 comentários

De HY a 11.07.2013 às 21:31

Noção de quê: da realidade? Nunca teve... E do ridículo, também pouca...

De lindo a 12.07.2013 às 03:03

Uma reformada dourada a viver à conta dos carrascos que vivem miseravelmente. Não há pachorra! pressinto o fim do regime!

De Anónimo a 12.07.2013 às 11:48

Se eu tivesse uma reforma desde tenra idade (vitalícia) da do valor desta senhora também estaria, certamente, alheada de tudo,
Pergunte-se a esta senhora se porventura vivesse com uma reforma ou ordenado miserentos como vive a maioria do povo deste país, aliás, a que a direita a que pertence convive bem a até enaltece, se teria um comportamento tão polido com os que nos governam.
Oh tinhas!!!

De M.Almeida a 12.07.2013 às 11:50

O desejo consensual do laranjal, pelos vistos alarga-se ao consenso de representantes sindicais como Avoila ou Nogueira que disseram assim:

"Podem fechar a Assembleia, que não faz falta nenhuma neste momento!"
Ana Avoila, ontem , no exterior do Parlamento

"O Parlamento está infestado de deputados que são verdadeiros charlatães!"
Mário Nogueira, idem, ibidem

Isto sim , são palavras que representam verdadeiramente o espitirto da democracia de Abril que tanto defendem. Ah já sei, o espirito de democracia de Abril é quando a esquerda domina o poder. A partir do momento que existe um governo maioritário de centro-direita, democraticamente eleito (ao que eu sei foram os portugueses que escolheram este governo), a democracia já não interessa nada, e a casa da democracia é para fechar e os deputados são para ser ofendidos. Imagine-se se um qualquer Alberto João Jardim, ou por exemplo um representante das conf. patronais dissesse isso no passado recente, enquanto vigorava o governo Sócrates e teriamos certamente o País inteiro, a media o s comentdores aos gritos insultando-os de tudo. Estmos conversados sobre o que é para a esquerda a palavra democracia!

De David Crisóstomo a 15.07.2013 às 02:02

"enquanto vigorava o governo Sócrates e teriamos certamente o País inteiro, a media o s comentdores aos gritos insultando-os de tudo." - ahahahahahahahahahahahaha, teve piada agora

Comentar post




Sitemeter



Comentários recentes

  • Jaime Santos

    Eu não entendi o comentário do Diogo Moreira nesse...

  • MRocha

    Se está na lei que devem ser públicas, cumpra-se a...

  • Jaime Santos

    Trump, além de mentiroso, é sobretudo um egomaníac...

  • Joe Strummer

    Pois, mas convem não deixar que noutro lado se ins...

  • Anónimo

    E estou eu contratado pelo estado à 16 anos.







«As circunstâncias são o dilema sempre novo, ante o qual temos de nos decidir. Mas quem decide é o nosso carácter.» Ortega y Gasset