Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



- Prémio "agora é que isto vai encarreirar" para a proposta de José Gomes Ferreira: "Promover a ética nos negócios – novo código de valores para a vida económica"

- Prémio "homenagem ao chavismo” pela proposta de José Gomes Ferreira: "Fixar administrativamente os preços da energia"

Prémio "Inovação em Políticas Públicas no III Milénio" para a proposta de José Gomes Ferreira: "Pôr a justiça a funcionar"

- Prémio “sou um irresponsável com carteira de jornalista e com demasiado palco" pela proposta: "Acabar com as parcerias público-privadas"

- Prémio “imito na plenitude os marretas" pela a proposta: "Sim, ainda é possível cortar despesas sociais"

-Vinte valores para a Tese do Mestrado em Estudos Gerais de Taxista "como aumentar as listas de espera novamente" de José Gomes Ferreira: "Acabar com as PPP, também nos negócios da saúde"

- Uma outra proposta com um impacto do camandro deste ícone da "política económica de mercearia": "Aproveitar as melhores propostas do FMI"

- Menções honrosas para outras propostas nunca vistas e nunca alguma vez tentadas, concebidas num qualquer WC de Carnaxide:

"Convidar funcionários públicos a ficar em casa"

"Definir o estado que podemos pagar"

"Pôr toda a agente a pagar impostos"

"Reduzir o «planeamento fiscal» ou fuga legal aos impostos"

"Combater ferozmente a fuga ao fisco"

"Criar um novo regime político-constitucional"

"Comprar português – investir para exportar cada vez mais"

 

Mais por esta via https://twitter.com/vascodcm/status/355108434020020224.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)




Sitemeter



Comentários recentes

  • Zzzzz

    Qualquer comparação, equiparação, ao nazismo, abso...

  • Sérgio Lavos

    Concordo, devemos respeitar quem é diferente de nó...

  • Bruno

    Muito sinceramente, isto é tudo muito lindo, mas h...

  • alvaro silva

    Só vejo dores de cotovelo e premonições de catástr...

  • J P C

    Se é isso o que o meu comentário lhe faz lembrar, ...







«As circunstâncias são o dilema sempre novo, ante o qual temos de nos decidir. Mas quem decide é o nosso carácter.» Ortega y Gasset