Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

365 forte

Sem antídoto conhecido.

Sem antídoto conhecido.

15
Mai13

"se poupam, podem ter menos rendimento disponível" (a lei de João Duque)

mariana pessoa

João Duque, the one and only, comentando o relatório do Banco de Portugal ontem divulgado. O referido relatório avança algumas informações, em particular que os reformados poupam 23% do que recebem em pensões.

 

Era capaz de jurar que, na tomada de posse de 2011, Passos Coelho avançou "um programa nacional de poupança que reduza o endividamento de empresas e famílias". (*)

 

Na cabeça [introduzir adjectivo aqui] de João Duque, a paga é esta: ai poupam? então é a prova maior de que podem levar com retroatividade em cima.

 

Chicago boys, adoro a vossa coerência. E o prazer em fazer fretes ao Governo.

 

(*) Recomendo vivamente a leitura do discurso da tomada de posse. Dois anos volvidos, é de chorar a rir. Dizia o PM em 2011: um programa de emergência social porque "ninguém pode ser deixado para trás", um programa para o crescimento económico, a competitividade e o emprego para "converter Portugal numa das economias mais abertas da Europa". 

«As circunstâncias são o dilema sempre novo, ante o qual temos de nos decidir. Mas quem decide é o nosso carácter.»
- Ortega y Gasset

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

No twitter

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D