Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



27
Out

Hoje em dia...

por André Fernandes Nobre

...Há cada vez mais pessoas que aparentam não perceber o que é o Estado de Direito democrático.

 

Isto é lamentável. 

Haver alguém que ache que as forças de segurança não estão sujeitas às mesmas regras que os demais cidadãos no que diz respeito à utilização da força e que acham que o homícidio (sim, leram bem, homícidio) de um menor em resultado de utilização abusiva e ilegítima daquela mesma força deve ser desculpado porque quem matou tinha uma farda.

Este caminho é perigoso, porque se hoje é um menor filho de um criminoso em fuga (menor esse que não tinha responsabilidade A-B-S-O-L-U-T-A-M-E-N-T-E nenhuma pelos delitos do pai e tinha o direito de ser protegido pelas forças de segurança, em vez de acabar morto por elas), amanhã pode ser alguém que vocês conheçam que cometa a imprudência de não parar numa operação stop e acabe baleado.

É até muito simples: cada um de nós é responsável e responsabilizável pelos seus actos. 

E é bom que assim continue a ser.

Até para que as forças de segurança sirvam exactamente para aquilo que foram criadas, manter-nos seguros.


O que, convenhamos, é totalmente diferente de nos controlar pelo medo.

Autoria e outros dados (tags, etc)


9 comentários

De Nacionalista a 27.10.2013 às 19:50


Outro dia um padeiro levou um tiro de caçadeira quando foi assaltado; como ele e o genro se defenderam e deram nas trombas do assaltante e quase assassino, a delegada do MP pediu uma indemnização para o "trabalhador no alheio", mas não para a vítima baleada, pois prejudicaram o gatuno no exercício do seu "labor".
Felizmente a Juíza esteve bem e julgou conforme o senso comum.

Agora neste caso o bandido andava fugido da cadeia, levou com ele além de outro gatuno o filho de 13 anos para começar a aprender a roubar ... não param à ordem da polícia e podem ter armas de fogo para se virar à polícia e gozar o panorama, muitas vezes tentam matar os guardas ...Há disparos e por azar morre o aspirante a gatuno ... e o Juiz manda dar uma indemnização à escória e espeta com o guarda 9 anos na prisão ... só em Ciganogal !

De David Crisóstomo a 27.10.2013 às 20:16

"aspirante a gatuno". lindo. tudo isso é lindo. o miúdo falecido é agora um "aspirante a gatuno". já você não me parece ser aspirante a besta, já está para lá disso, já está no ponto.

De Nacionalista a 28.10.2013 às 10:52

Desculpe, besta será você em defender um cigano evadido da cadeia que leva o filho para a roubalheira; e se não sabe devia saber que quando vão assaltar vão sempre bem armados.
Gostava que o guarda fosse seu irmão; gostaria também que estivesse bem atrapalhado um dia e desse graças por haver polícia bem perto de si !
Deves ser da esquerda caviar!

De Nanda a 28.10.2013 às 14:52

Nem mais!

De David Crisóstomo a 28.10.2013 às 14:58

e agora deseja morte ao meu irmão, que é externo a toda esta altercação. fantástico. é todo um nível de educação, toda uma moralidade, toda uma ética que me deslumbra. e esteja descansado, eu sou da esquerda terra nostra, natural dos Açores. vá, xô, vá com Deus.

De Nacionalista a 28.10.2013 às 18:51

Caro David,
Eu não desejei a morte de um hipotético seu irmão, apenas considerei que se ele estivesse no lugar do guarda, nove anos de prisão ... é obra.

Depois quanto a educação estamos conversados, pois apenas emiti uma opinião e usou um termo que lamentavelmente é inapropriado ...

Finalmente, respeito os açorianos e conheço razoavelmente os Açores; agora vou-lhe dizer que na minha terra "xô" diz-se às galinhas ...

Um transmontano a viver na Invicta!

De David Crisóstomo a 28.10.2013 às 21:55

Caro Nacionalista

Se não entende o que escreve, problema seu. Provavelmente então também não entendeu que no seu 1° e 2° comentário, utiliza expressões do mais básico racista e xenófobo, quando tenta associar uma etnia a um comportamento criminoso. Tendo, por instinto, a caracterizar tais manifestações de ódio como sendo de 'bestas'. Lamento se for esse o seu caso.

Depois, alegar educação e exigi-la no seu 3° comentário face ao que expressou nos anteriores é um descaramento que dispenso. Não se pode ter comportamentos anti-democraticos (negar a igualdade a todos os cidadãos de uma determinada etnia) e depois apelar às boas maneiras. Isto não é o blogue do henrique monteiro.

Acho bem que respeite todas as origens regionais portuguesas, era só o que mais faltava. Quanto ao xô, era mesmo sinónimo de 'chispe-se, andor, pisgue-se, ponha-se a andar daqui para fora'. Não costumo aplicar a galinhas, mas sim a qualquer ser aparentemente despromovido de racionalismo.

Um lisboeta sem paciência

De mariana pessoa a 28.10.2013 às 15:36

Na volta, besta é "defender um cigano"...ponto?

De rosa a 29.10.2013 às 01:11

Não admira...com os exemplos que têm vindo de cima!

Comentar post




Sitemeter



Comentários recentes

  • Zzzzz

    Qualquer comparação, equiparação, ao nazismo, abso...

  • Sérgio Lavos

    Concordo, devemos respeitar quem é diferente de nó...

  • Bruno

    Muito sinceramente, isto é tudo muito lindo, mas h...

  • alvaro silva

    Só vejo dores de cotovelo e premonições de catástr...

  • J P C

    Se é isso o que o meu comentário lhe faz lembrar, ...







«As circunstâncias são o dilema sempre novo, ante o qual temos de nos decidir. Mas quem decide é o nosso carácter.» Ortega y Gasset