Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Resumindo: O senhor que não se lembrava se tinha andado a tentar "agarrar" um governo a uma droga aditiva de maquilhamento oneroso de contas públicas (muito à semelhança do que o governo grego aceitou fazer), este senhor que não se lembrava de ter ido às reuniões de venda junto dos assessores do anterior governo, hoje confessou que esteve presente sim senhor.

Horas depois vem o governo dizer que uma das páginas dos documentos sobre as reuniões entregues pelos ex-assessores aos jornalistas não corresponde à cópia autêntica a que o atual governo terá tido acesso. A suposta página adicional altera o fulcro da questão? O jornalista diz que não e o governo reconhece que não, segundo o jornalista (SIC). Mas "prova" que o documento foi forjado e como tal... E como tal... o senhor que diz que não se lembrava se tinha andado a tentar "agarrar" um governo a uma droga aditiva de maquilhamento oneroso de contas públicas e que confessou ter ido tentar vender a coisa continua a ser secretário de estado do TESOURO.


Esta gente tem de ser internada. 


Já não é demitida, é internada. 


Não estão bem de saúde.


P.S.: acrescento um detalhe sobre o documento forjado... Quis um alinhamento dos astro que, apesar de não ter visto o documento, ter ouvido falar dele e das reuniões há meses largos, nos termos atuais, muito antes deste senhor ir para Secretário de Estado. 
Isto é simples do lado do atual governo: mentir, mentir, mentir, mentir, mentir, mentir, mentir, mentir, mentir, mentir, mentir, mentir, mentir, mentir, mentir, mentir, mentir.

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

De M conceição a 12.08.2013 às 09:39

Afinal quem será o pai da criança?
Criança= documento entregue a Balsemão.
Pai= o Patrão do estafeta.

Acho que tem interesse, não acha? Como interessa saber a quem interessa as acções de Machete=s às de Cavaco. Há tanto tempo que ninguém queria saber das acções do Cavaco e da filha, e agora no Grupo Impresa fala-se a toda a hora. Porque será? Precisam de condicionar ainda + a Presidência através de um simples professor que nunca perguntava nada ao Banco dos amigos íntimos? Deixemos Cavaco em paz gozar a sua reforma., mas perceber a quem serve neste momento o tema, para não fazermos de tontos

Comentar post




Sitemeter



Comentários recentes

  • Jaime Santos

    Eu não entendi o comentário do Diogo Moreira nesse...

  • MRocha

    Se está na lei que devem ser públicas, cumpra-se a...

  • Jaime Santos

    Trump, além de mentiroso, é sobretudo um egomaníac...

  • Joe Strummer

    Pois, mas convem não deixar que noutro lado se ins...

  • Anónimo

    E estou eu contratado pelo estado à 16 anos.







«As circunstâncias são o dilema sempre novo, ante o qual temos de nos decidir. Mas quem decide é o nosso carácter.» Ortega y Gasset